Reeducação Alimentar – “The Beginning”

Como começar? Por onde começar? Será que eu consigo? No início essas perguntas invadem nossas mentes.

1

E devo dizer:

Você consegue tudo que realmente quiser! O caminho é longo, talvez até doloroso no início, afinal, abdicar de muitas coisas que há anos nos acompanham não é fácil. Mas se você quer, não é impossível!

Ok, mas… Como começar? Bom, eu acredito que tudo na vida requer primeiro alguns passos a serem seguidos:

1- Querer fazer! Tenha atitude! Você tem que provar para você mesmo que você é mais forte que um uma torta de chocolate, um cachorro-quente, um copo de cerveja. Não são essas coisas que controlam você! Você tem que aprender a controlá-las!

2- Planejar: todo projeto requer planejamento. Seja uma viagem, estudos, trabalho. Porque na reeducação alimentar seria diferente? Você precisa planejar sua alimentação, aquilo que você vai comer no dia, na semana, para garantir que não passará fome e sairá correndo pro Mc’! Monte suas estratégias, seu plano alimentar e atividade física (procure um profissional da área).

3- Organizar: Prepare seus alimentos e leve numa bolsa extra para o trabalho, deixe tudo separado, anotado. E o mais importante, organize seus horários. Estabeleça uma rotina para nova fase! Lembre-se sempre: levar marmita é chique! É sinônimo de organização, planejamento, economia.

4- Estabelecer Metas: Assim como em nossa profissão, é necessário estabelecer metas para nós mesmo. Estipule prazos, medidas a serem alcançadas e resultados que você tanto deseja. E de tempo em tempo, verifique se você está atingindo, para permanecer com foco e garantir sucesso nos resultados.

5- Tenha uma inspiração: Procure conhecer histórias de sucesso de outras pessoas, isso irá ajudar muito. Normalmente ficamos mais motivados quando conhecemos alguém que percorreu o caminho que iremos seguir, e que ele trará resultados satisfatórios.

Esses 5 itens irão ajudar você a dar o primeiro passo. Mas, e depois de assimilar tudo isso? O que fazer?

Bom, se você puder, procure um nutricionista e matricule-se na academia para ter auxílio do profissional de educação física. O aeróbico ao ar livre (caminhada, por exemplo), irá lhe auxiliar muito, mas se você quer emagrecer e tonificar seu corpo, para que não fique flácido, é indispensável o auxílio do profissional de EF.

Ao falar com a nutricionista, é muito importante que você relate tudo que você não gosta de comer e coisas que você poderia experimentar. Ela vai montar o cardápio inicial de acordo com seu gosto e seus objetivos. Vejo muitas pessoas desistirem de uma vida saudável pelo fato de não gostarem de determinados alimentos e não terem acompanhamento. Antes de sair comprando suplementos e outros, invista no profissional de nutrição.

E quanto aos alimentos mais saudáveis do mercado, relato aqui minha experiência: Eu entendo que a reeducação alimentar tem que ser prazerosa. Se você só comia queijo comum (lanche, muçarela, por exemplo), não vai adiantar, na minha opinião, comer cottage se você não gosta do cottage. Dou esse exemplo pois isso aconteceu comigo. Provei, não gostei.

Ok. Não vou insistir. E não é porque continuo comendo queijo mussarela light, minas frescal light e etc que serei uma pessoa gordinha, ou que não terei resultados na atividade física. A partir da orientação do nutricionista, a gente aprende que o mais importante, no início, é readequar as porções ingeridas.

Mudar é preciso, mas não seja radical com você mesmo. Vá conhecendo os produtos mais adequados e trocando aos poucos, para que seu paladar assimile e aceite os novos sabores. Eu fiz isso. Depois de várias tentativas frustrantes de mudar da “água para o vinho”, decidi que faria a mudança aos poucos, que não iria colocar como meta “perder 10kg em 1 mês” e que faria da reeducação alimentar meu novo estilo de vida. Está dando certo!

Comece hoje, comece o quanto antes! Você jamais irá se arrepender! Você não muda só o corpo, você muda a forma de ver as coisas, de se relacionar com as pessoas. Sua autoestima e autoconfiança ficam elevadas e você só vai atingir e atrair coisas boas para sua vida pessoal e profissional. Comece hoje!

Imagem: Get Lean Get Mean

You may also like

3 Comentários

  • Parabéns pela dedicação!!!!

    Quem tem problemas com o peso, assim como eu, preciosa de doses diárias de motivação. Realmente não é fácil seguir essa rotina de AF + RA, mas vale MUITO a pena.

    É incrível como nossa vida muda quando a gente se olha no espelho e tem prazer em ver nossa imagem! E isso reflete em TODOS os campos da nossa vida!!!!!

    Minha maior dificuldade é a alimentação.

    Já se foram 10 Kg … Ainda faltam mais 10… Mas não desisti, tõ na luta!

    E vamos que vamos!!!!

  • A sua história está me inspirando Marina, parabéns! estou hà um mês na academia, dois meses sem tomar refrigerante e já estou muito bem com a vida e me sentido linda, não tem coisa melhor, te acompanho pelo instagram e blog.

    Abraço

  • Muita gente quer começar e ver resultado logo, pra mim só deu certo porque aprendi a respeitar meu corpo, se eu emagrecia 5 kg no mês eu ficava feliz mas se eu mantinha o peso não entrava em desespero não. Hoje em dia a balança nao me preocupa, estou feliz em ter mudado meus hábitos alimentares, por exemplo, desde que comecei reeducação, não fiquei mais gripada! Beijos loindona adorei o post =) http://www.meumanequim40.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *