Day off: Ele serve para você?

Vejo muitas pessoas com dúvidas quanto ao “day off” ou dia do lixo. Com base em conversas que tive com minha nutricionista e com personal trainer, explico aqui como entendo o day off.

Primeiro de tudo você tem que estabelecer seus objetivos, se é perda de peso, ganho de massa magra ou os dois. Junto com o nutricionista e o preparador físico você vai definir como alcançar seu objetivo. Isso é muito importante, pois dessa forma você saberá qual o dia adequado para praticar o day off.

dayoff

Agora gostaria de falar da expressão day off. Eu, particularmente, não sou praticante do dia do lixo, literalmente falando. Isso faria colocar fora todo meu esforço da semana. Por quê? Porque eu pratico 3 vezes atividade anaeróbico (musculação) e 2 vezes aeróbico. Meu treino não é “HARD”, sigo uma RA equilibrada. Portanto, sou praticante do “cheat meal” ou refeição livre.

É muito importante que você entenda essa diferença: Dia do lixo (day off) X Refeição livre (cheat meal).

Muitas vezes, utilizar esse momento off pode auxiliar a potencializar os resultados, depende do seu objetivo. O que você precisa ter em mente é que tem que ter muito cuidado com o seu momento off. Existe uma diferença entre comer 1 colher bem cheia de brigadeiro e 1 panela de brigadeiro. Seu corpo responderá de forma diferente. Seus resultados também.

Eu faço a associação da refeição livre com o dia de aeróbico. Geralmente é no domingo. E nos domingos que não consigo fazer o aeróbico, na segunda-feira faço meu treino normal e, pelo menos, 25min de aeróbico. Isso é regra? Não. Isso foi passado por um profissional.

Se você não tem acompanhamento nutricional eu aconselharia a ter muito cuidado com o dia do lixo, o dia inteiro ingerindo mais carboidratos, calorias e gorduras que o usual. Além de, de repente, nãos ser aconselhável para sua saúde, dependendo do tipo e frequência de atividade física, pode não trazer os resultados esperados. Em seguida vem a frustração, aquele pensamento: Faço tudo certinho e os resultados não aparecem.

Se você é praticante do dia do lixo, dia inteiro, repense. Lembre-se que os resultados são 70% alimentação e 30% academia. O seu treino tem que ser muito focado para que esse dia aconteça, muito bem planejado com a nutricionista e o preparador físico. Caso contrário, faça uma refeição livre na semana e compense se quiser, seja nas próximas refeições, seja intensificando a atividade física.

Manter o equilíbrio é a melhor forma de ser e se manter saudável. Você precisa fazer aquilo que lhe faz bem, comer aquilo que vai lhe trazer uma alegria momentânea, mas entenda que é preciso equilibrar tudo que comemos. EQUILÍBRIO, lembre disso!

You may also like

8 Comentários

  • Não sabia que o Day Off se referia a um dia inteiro, sempre achei que fosse uma refeição só e é isso que eu faço e nem é toda semana. Mas essas questões relativas a alimentação vai dos hábitos e da rotina de treino de cada um. Acho que a gente tem que ter bom senso e sempre tentar manter um equilibrio, independende de regras.

  • Nao curto essas programações. Como todos os dias na rua e é certo q ali já tem mt coisa invisivel q em casa não teria. e, de vez em qd, como peq chocolate, mais x arroz e feijão,… Mas to malhando bem e tem dado certo. Essa semana tive a maior piriri e estou comendo torradinhas unas 3 dias. Coisa q raramente me entrego. Então, só não ser xiita na alimentação já me faz air além do q devia. Mesmo sempre buscando o mais saudável, comida q não vemos fazer não podemos garantir. Então, ter momentos relax, não passar fome e nem deixar de encostar em algo é minha opção de manutenç;ao. A academia de forma regrada é a grande marca do sucesso!

  • Eu também não sou praticante do Dia do Lixo. Sabe Marina, eu sempre pensei que o Day Off fosse optar por 1 única refeição mais "radical" e não que pessoas usassem o dia todo, em todas as refeições, para essa prática. Eu sempre faço uma compensação, por exemplo: Ontem eu comi 2 paçocas de amendoim no lugar do lanche da tarde. Mais calorias né? Porém a noite peguei leve no jantar e hoje pela manhã, fiz mais aeróbico na academia, bem como vou manter uma alimentação bem bacana durante a semana. E desde que comecei a RA, essa é apenas a primeira vez que dou esse deslize, mas não senti culpa, apenas sabia que teria que trabalhar um pouco mais para queimar as calorias adquiridas.

    As pessoas frizam tanto em "dieta" que acabam sofrendo né? O bom é aprender a comer o que te faz bem, nas proporções certas.. aí você leva essa educação pro resto da vida alimentar.

    Beijos, Carla Mariano

  • Sempre tive dúvida sobre o dia do lixo. Ficava pensando se realmente o Day off não atrapalharia todo o trabalho feito durante a semana… Gostei muito do post, e como foi dito, há o Cheat meal – que foi o que minha nutri passou para mim-. Sigo direitinho, e não vejo necessidade de praticar o day off, pois apenas com o Cheat meal já mato minha vontade de comer o que estava com vontade a semana toda .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *