04 • setembro • 2016

Como utilizar o peixe para manter uma vida saudável

O peixe deveria estar mais presente no cardápio brasileiro. Graças à sua enorme concentração de nutrientes, vitaminas e proteínas, ele é considerado um dos alimentos mais saudáveis que você pode encontrar na natureza. Está classificado como uma carne branca, o que significa que ele contém um baixo teor de gorduras, auxilia no emagrecimento e traz risco zero de doenças cardiovasculares.

São ricos em proteínas de alto valor biológico, oferecendo os aminoácidos essenciais que não são produzidas pelo organismo.

peixe_1

Além desse fato, suas proteínas são facilmente digeridas pelo organismo, favorecendo sua absorção e o processo de digestão que se torna mais leve e rápido.

Além disso, o peixe tem grande quantidade de minerais (como cálcio e fósforo) e vitaminas. O tão conhecido e bem falado ômega-3 (tipo de gordura encontrada em espécies como sardinha, atum e bacalhau) ainda ajuda a controlar a pressão, reduz o risco de doenças cardíacas, arteriosclerose (endurecimento das artérias), aumenta as reações anti-inflamatórias do organismo e o nível de colesterol e triglicérides. E a melhor notícia: ele é pouco calórico.

Comer peixe faz bem e, por isso, deve-se consumir peixe pelo menos 2 vezes por semana.

Contudo, é preciso ter cuidado – algumas preparações são mais calóricas e podem colocar a sua dieta em risco. Confira como deixar o seu peixe mais saudável:

PEIXE2

Cozido

Essa é uma das melhores maneiras de preparar o peixe, pois não acrescenta gorduras ao prato. No entanto, os alimentos cozidos perdem as vitaminas C e do Complexo B, que se dissolvem na água. Para reduzir essa perda, a nutricionista Flávia sugere utilizar pouca água no cozimento e esperar ferver para adicionar o alimento.

Grelhado

Uma das maiores vantagens dessa preparação é que todos os nutrientes podem ser conservados sem grandes problemas. Antes de iniciar o preparo, aqueça muito bem a grelha em fogo alto, pois as proteínas do peixe formam uma crosta que retém os nutrientes em seu interior. Para esse método, procure por peixes mais firmes, como salmão, tilápia, pescada, bacalhau, atum, truta e tilápia, sendo que qualquer um deles fica muito bem temperado com sal, limão e tomilho.

Assado

A vantagem do peixe assado, assim como a versão grelhada, é que ele não utiliza água nem óleo no preparo, preservando os nutrientes.

Cru

Carro chefe da culinária japonesa, o peixe cru leva vantagem, pois tem os nutrientes conservados em sua totalidade, já que não passa por nenhum tipo de cozimento.

E então, o que você achou dos benefícios do consumo regular de peixes? Inclua esse alimento na sua dieta, aumente sua saúde e tenha uma melhor qualidade de vida!



By Marina - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017